Julgamento de Sócrates

Alunos do 2º Ano inocentam filósofo Sócrates em júri simulado

Um Tribunal do Júri movimentou o Colégio Magno na manhã desta terça-feira (11). No banco dos réus, o filósofo Sócrates. Levado a condição de réu, Sócrates foi acusado de corromper a mente dos jovens.

 

O Júri simulado é uma das atividades da disciplina de Filosofia e reuniu alunos das turmas de 2º Ano do Ensino Médio. Divididos em três grupos, os alunos assumiram os papéis de advogados, promotores e jurados. Ponto a ponto, eles foram construindo a história de Sócrates, entre as acusações, defesas e um discurso do próprio acusado.  

 

O relato do julgamento feito por Platão e usado como base para a atividade, aponta que Sócrates foi condenado em júri popular, por uma margem pequena, de apenas sessenta votos. Mas na simulação, a sentença ficou por conta da avaliação dos jurados, que ouviram atentamente o embate entre defesa e acusação. A atividade foi mediada por uma juíza convidada.

 

“Tivemos alunos engajados, participando e desenvolvendo suas habilidades crítico-analíticas e argumentativas”, comemorou o professor Eduardo Orsolini, que propôs a atividade.

 

Ao final, os jurados consideram os argumentos da defesa e declararam o filósofo Sócrates inocente!

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon

1/7

Unidade Olavo Bilac 

Berçário, Educação Infantil e
1ºano do Ensino Fundamental
(11) 5522-1555
olavo@colegiomagno.com.br 
Mapa de localização

Unidade Campo Belo

Educação Infantil e 1º ao 4º ano do Ensino Fundamental 
(11) 5041-2566  (11) 5532-1741 
cbelo@colegiomagno.com.br 
Mapa de localização

Unidade Sócrates 

Ensino Fundamental e
Ensino Médio 
(11) 5685-1300 
magno@colegiomagno.com.br 
Mapa de localização