Buscar
  • Colégio Magno - Mizzou

“Escola Ideal” existe?



Por Laura Schwantes


Para muitos alunos, a escola ideal é aquela que não tem provas ou não tem tarefas de casa, é digital, amigável ou sem bullying, é aquela que tem igualdade, humana. Na realidade, o termo “escola ideal” é utópico e subjetivo. Talvez não seja possível criar uma escola perfeita e que atenda a necessidade de todos: pais, alunos e professores. Mas a verdade é que não é preciso criar essa escola, e sim transformá-la. É preciso que existam instituições capazes de passar as informações e conhecimento emitidos pela sociedade para formarem não apenas alunos que saibam conteúdos mas alunos que possuam conteúdo, responsáveis, críticos e capazes de seguir seus objetivos, sejam bons cidadãos, enfim, uma tarefa difícil porém não impossível.


No passado, escolher uma escola e elegê-la como ideal era uma tarefa mais fácil pois todas tinham, mais ou menos, a mesma proposta, o mesmo consenso. Já nos dias de hoje, cada escola apresenta uma proposta de ensino diferente da outra, com focos divergentes e apresentam currículos diversificados. Nas pesquisas sobre o tema “escola ideal” há a referência de uma escola na cidade de Porto, em Portugal, que tem uma proposta um tanto quanto diferente. Nela, os alunos fazem com os professores um plano do que devem aprender sobre as determinadas matérias até determinado período de tempo - sem finalizar a aula em 50 minutos cravados. Depois disso, eles efetuam pesquisas e recorrem a ajuda de alunos mais velhos quando tem dúvidas e se esta permanecer, recorrem a um professor, para que assim, posteriormente, possa realizar uma prova sobre o assunto em questão. Além disso, durante os dias, os alunos não ficam divididos em classes por turmas como 4°, 5° e 6° ano por exemplo. Eles ficam em salas heterogêneas com professores de diferentes matérias e a cada dia, revezam os grupos, fazendo um plano de estudo e recomeçam suas pesquisas. Além disso, cada um é responsável por participar de alguma atividade extra escolar como cultivo da horta, guiar visitas ou dirigir a assembléia de pais e mestres.


Uma escola como essa poderia ser considerada a escola ideal, já que estimula a confraternização, respeito, independência, responsabilidade e forma alunos críticos. Entretanto, existem muitos alunos que não conseguem aprender apenas pesquisando, fazendo resumos e tirando dúvidas com outros alunos, de forma independente. Eles precisam de aulas tradicionais, referências de um professor. Está aí a dificuldade de encontrar uma escola ideal: ela não é igual e eficiente para todos.


Pode-se dizer que um dos grandes problemas que assombram o Brasil é a educação. Já vimos que encontrar a solução para a educação não é construir a famosa “escola ideal”. Ela não existe.

Existem apenas escolas, para cada indivíduo, que atendam suas especificidades e que mesmo assim, por se adaptarem ao seu modo de aprender - ou você se adaptar à ela - precisam continuar melhorando na formação de pessoas cada vez mais se o que se busca é deixar um legado positivo ou até mesmo fazer parte da famosa frase de efeito “fazer a diferença”. E para você, qual é a sua escola ideal?

308 visualizações

Unidade Olavo Bilac 

Berçário, Educação Infantil e
1ºano do Ensino Fundamental
(11) 5522-1555
olavo@colegiomagno.com.br 
Mapa de localização

Unidade Campo Belo

Educação Infantil e 1º ao 4º ano do Ensino Fundamental 
(11) 5041-2566  (11) 5532-1741 
cbelo@colegiomagno.com.br 
Mapa de localização

Unidade Sócrates 

Ensino Fundamental e
Ensino Médio 
(11) 5685-1300 
magno@colegiomagno.com.br 
Mapa de localização